Homepage / Vinho / Vinho Tinto / Vinho Tinto França / Vinho Tinto Bordeaux / Degustação às cegas Pomerol Clos Saint-André 2016

 Bon rapport qualité-prix

Preço: cerca de 65 € – Nota: 4,15/5

Les Nez de Bordeaux

Pomerol 2016 Clos Saint André

Wine stopper from Pomerol

Bottle of Clos Saint Andre 2016

Sábado à noite (12/01), convidei alguns amigos para um Blind Tasting em casa. Pois nada melhor para começar 2019 que compartilhando uma paixão! A degustação, sob o tema “O Nariz de Bordeaux” foi a oportunidade para fazer uma avaliação totalmente neutra (e cega!) do Pomerol Clos Saint-André 2016.

Esta safra foi engarrafada em Novembro de 2018. Nesse momento, durante uma visita à Paris, o vinicultor Jean-Claude Desmarty pediu minha opinião sobre este vinho. Que honra! Especialmente porque Stéphane e eu fomos os primeiros a degustar a safra de 2015 (por puro acaso e pura sorte!).

Desse encontro saio com uma garrafa na mão, perguntando-me como ser a mais imparcial possível na wine review… Todos nós sabemos que a nossa memória olfativa pode nos pregar peças, nos influenciando como o Proust e sua madeleine. E eu sempre tenho guardado num cantinho da minha cabeça os aromas das safras anteriores, especialmente os da safra 2012

Decidi então que seríamos vários a deliberar! Fomos seis para provar três garrafas Bordeaux bem escondidas em meias pretas. Eu era a única que sabia o que havia por trás daquela intrigante escuridão.

Antes da degustação, com a ajuda do Nez du Vin, memorizamos juntos os aromas do Merlot, Cabernet Sauvignon e Cabernet e viajamos da Rive Droite à Rive Gauche passando por Entre Deux-Mers!

Com os olhos bem abertos (mas cegos), fomos direto ao ao ponto: a degustação ascendente de três safras (2 Rive Droite – Pomerol e Saint-Emilion – e 1 Rive Gauche – Graves ). O Clos Saint André foi apreciado por unanimidade! O nariz e boca dos meus convidados disseram tudo:

” Taninos frescos, redondos e aveludados”

“Uma boca carnuda com aromas de cogumelos na manteiga… trufas” 

(Deixo o vinicultor explicar como um jovem Merlot pode ter esse aroma!)

“Final longo, boa acidez. Um vinho gourmet e complexo »

“Mesmo que seja um vinho para guardar, posso bebe-lo agora mesmo! “

O mesmo quem sentiu o aroma de trufa, me perguntou se estava bebendo um Petrus … De minha parte esta safra me lembra do 2012: excepcional ! Deixemos o tempo  fazer o que sempre faz, passar e, ce flano será um tesouro. Abaixo nossa resenha coletiva ! Boa degustação!

Caderno de bordo

  • País: França

  • Região: Bordeaux

  • Categoria: não-fortificado

  • Cor: tinto

  • Denominação de origem: AOC Pomerol

  • Safra: 2016

  • Suavidade: seco

  • Uva/corte: 70% Merlot et 30%  Cabernet Franc et Cabernet Sauvignon

  • Terroir : em 1923,  Alice Desmarty plantou algumas vinhas ao redor de sua casa, num solo de argila fina. Estas videiras se misturavam com legumes e gado e apenas alguns anos mais tarde as uvas lá cultivadas foram destinadas exclusivamente à viticultura.

  • Produtor: Clos Saint André

Copyright: Clos Saint-André

  • Elaboração : trata-se de um processo de vinificação artesanal que se inicia na lavoura com o uso do cavalo, o que permite manter a memória da viticultura de outrora e desenvolver a biodiversidade, evitando assim qualquer compactação do solo. Depois, vem o trabalho de foliar as videiras, dependendo das condições climáticas que mudam a cada ano. A colheita é feita por triagem seletiva a mão. Isso quer dizer que as uvas são coletadas em pequenas caixas e trazidas para a vinícola nas costas do homem! A prensagem é muito suave, à moda antiga. Esta vinificação natural baseia-se na fermentação de uvas sob a forma de pigeage e remontagem. O vinho é totalmente envelhecido em barris franceses por cerca de 20 meses. O vinicultor favorece a qualidade e não o volume.

Degustação

  • Límpido
  • Cor vermelha-púrpura com reflexos rubi
  • Intensidade, brilho médio

  • Aromas de frutos vermelhos maduros, baunilha, amadeirado, amanteigado. O segundo nariz apresenta discretas notas de violeta.
  • Nariz complexo

Intensidade aromática

  • Boca ampla, aveludada e complexa
  • Doçura logo no ataque
  • Aromas de frutos vermelhos maduros como indicada no nariz.
  • Bom equilíbrio e grande frescura. Uma textura encorpada com taninos delicados.
  • Final longo e persistente. As notas amadeiradas se sobressaem em relação aos frutos vermelhos.
  • Vinho com grande potencial de guarda!
Acidez
Doçura
Corpo
Álcool
Grau de madeiramento
Nível de Taninos
Nível de complexidade

Serviço

  • Decantar 3 horas antes do serviço

  • Temperatura para degustação entre 15 e 17°C.

  • A complexidade deste vinho permite acompanhar pratos simples, doces e salgados como cordeiro, carne vermelha, foie gras fritos, pratos chineses agri-doces, um risoto de trufas, queijo basco e até uma torta de frutas (com ameixas ou cereja).

Envelhecimento/Evolução

  • Este vinho pode e deve ser guardado por mais de 10 anos

  • Apogeu será por volta de 2028

  •  2023-2038…

  • Num local escuro protegido de luz solar direta e até da iluminação artificial. Se você não tiver uma adega, uma despensa ou um armário fechado, guarde as garrafas numa caixa e tape-as com um pano.
  • Evite colocar o vinho junto a alimentos ou produtos com aromas fortes.
  • A temperatura ideal para guardar o vinho está entre 12ºC e 14ºC. A temperatura deve ser constante e se existirem variações essas devem ser graduais. Por exemplo, a temperatura no local de armazenamento do vinho não deve flutuar mais de 1.6ºC num dia e 2.7ºC num ano.
  • A humidade do local é outro fator importante (nível ideal entre  60% e os 80%).
  • A garrafa deve ficar deitada (horizontalmente) para que rolha fique em contato permanente com o vinho. Evite locais com vibrações como as de eletrodomésticos.

+ Informações

Se você quiser visitar a propriedade ou comprar as garrafas raras de Clos Saint-André, entre em contato conosco rapidamente! Nossos assinantes podem fazer pedidos diretamente com o vinicultor com um preço especial My Tasty Travel (preço de entrega em Paris). Atenção, há poucas garrafas de 2012 disponíveis! Entre em contato conosco para importar este vinho no Brasil!

Safra          Preço direto do vinicultor    Com transporte de 12 garrafas       Com transporte de 6 garrafas

2012 :             69 €  / garrafa                            72 €  / garrafa                              75 € /garrafa
2014 :             60 € / garrafa                            63 €  / garrafa                              66 € / garrafa
2015 :             63 € /garrafa                             66 €  / garrafa                              69 €  / garrafa
2016 :             63 € /garrafa                             66 €  / garrafa                              69 € /garrafa

Contact